1.
Pinto C. E catou pella nave e nom viu rem, que a noite era muito escura Sobre o estatuto de rem em Português Antigo . rapl [Internet]. 21 de Novembro de 2019 [citado 4 de Março de 2024];(5):305-24. Disponível em: https://ojs.apl.pt/index.php/rapl/article/view/19