Sobre a caracterização temporal de frases complexas com orações adverbiais finais com para em Português Europeu

Autores

  • Purificação Silvano Faculdade de Letras da Universidade do Porto / Centro de Linguística da Universidade do Porto
  • Luís Filipe Cunha Faculdade de Letras da Universidade do Porto / Centro de Linguística da Universidade do Porto

DOI:

https://doi.org/10.26334/2183-9077/rapln2ano2016a17

Palavras-chave:

orações finais, relações temporais, aspeto, relações retóricas

Resumo

The main goal of this paper is to discuss the temporal behaviour of European Portuguese factive purpose clauses introduced by para (‘to’) + non-inflected Infinitives. We will argue that a posteriority temporal relation, resulting from the interaction between the lexical properties of the connective and the Result Rhetorical Relation, is crucial to understand the temporal possibilities displayed in these sentences. However, we will demonstrate that other semantic factors, such as the aspectual profile of the eventualities and the Rhetorical Relations that may arise in these constructions, also play a decisive role in determining the final temporal ordering of the clauses.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2016-10-31

Como Citar

Purificação Silvano, & Luís Filipe Cunha. (2016). Sobre a caracterização temporal de frases complexas com orações adverbiais finais com para em Português Europeu. Revista Da Associação Portuguesa De Linguística, (2), 381–402. https://doi.org/10.26334/2183-9077/rapln2ano2016a17